JUSTIÇA DETERMINA QUE O CANDIDATO TONINHO CUNHA APAREÇA NO PRÓPRIO PROGRAMA ELEITORAL

Blog Do Diácono Cleiton Albino: Toninho parabeniza AD em Areia Branca

À sombra do irmão deputado, candidato não aparece no próprio programa e juiz entende que isso é ilegal.

Juiz reconheceu que programa do irmão do deputado Souza está desrespeitando a lei porque foca em tudo, menos no candidato

O juiz eleitoral Fábio Ferreira Vasconcelos determinou que a coligação “Para Areia Branca voltar a crescer” exiba seu candidato a prefeito e vice.

O juiz reconheceu que a candidatura de Toninho descumpre a lei eleitoral, que determina que o candidato apareça no programa eleitoral.

Mas desde o início do programa eleitoral, Toninho Cunha tem tido pouca ou nenhuma expressividade, como no programa eleitoral de 10 de outubro, quando nem o candidato nem seu vice aparecem em momento algum

“O tempo total do programa eleitoral gratuito consistiu no
depoimento de interlocutores diversos dos candidatos da coligação representada, violando-se o limite expressamente estabelecido na legislação, pelo que se vê a probabilidade do direito alegado, consubstanciado na ocorrência de propaganda que violou o dever de protagonismo do candidato”, reconheceu o magistrado.

A decisão da Justiça Eleitoral não poderia ser outra. Com a campanha da oposição focando em ataque, não sobra tempo para seus candidatos aparecerem.

Com a decisão, os programas de Toninho Cunha e João Paulo Borja deverão agora contar obrigatoriamente com a participação de ambos, o que é lógico, mas que precisou da intervenção judicial para tanto.

Em caso de descumprimento, a coligação de que faz parte Toninho e João Paulo terá que pagar multa diária de R$ 10 mil.

Fonte: Rede social do AB Cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo