Ministério da Saúde orienta volta às aulas em todo o Brasil

O Ministério da Saúde lançou hoje um guia com orientações para a volta às aulas presenciais em todo o Brasil.

O documento foi divulgado dias após Jair Bolsonaro criticar o fechamento das escolas.

“Não tínhamos por que fechar as escolas, mas as medidas restritivas não estavam mais nas mãos da Presidência da República ou do nosso governo, como um todo. Por decisão judicial, elas competiam exclusivamente aos governadores e prefeitos”, disse Bolsonaro, durante a posse de Eduardo Pazuello.

No documento, a pasta orienta que as escolas de educação básica devem medir a temperatura de alunos e professores, obriga o uso de máscaras e recomenda o distanciamento mínimo de 1 metro entre os estudantes.

A Saúde também sugeriu que as escolas façam um escalonamento dos horários de chegada e saída dos alunos, para que as turmas não se encontrem.

A data do retorno da aulas, no entanto, é definida por estados e municípios.

A Saúde também informou que repassou R$ 545,3 milhões para apoiar a retomada das aulas aos municípios que participam do programa Saúde na Escola.

O Antagonista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao Topo